Goodreads

Destaques

11 Porque És Minha + Opinião

No instante em que Francesca e Ian se conhecem, a atração é mútua; uma carga requintadamente física incendeia ambos. Para Ian, ela é o tipo de mulher a que ele não resiste: inocente e pura. Para Francesca, ele é o tipo de homem que ela mais teme e deseja: sombrio, extremo, autoritário, e interdito. O que se passa entre eles não pode ser ignorado — apenas acatado, evoluindo para um inevitável vínculo.

De um jato particular para um interlúdio em Paris, de um ousado encontro num museu público para a intimidade de um hotel de luxo, Francesca e Ian estão um com o outro sempre que o desejo se torna premente. Mas à medida que a relação deles fica mais intensa, Francesca descobre algo a respeito de Ian — e dela própria — que altera para sempre o jogo e os jogadores. É algo com que eles nunca contaram, algo que lhes faz girar as vidas, delirantemente fora de controlo…


Autor: Beth Kery
Editor: Saída de Emergência (Janeiro, 2013)
Género: Literatura Erótica
Páginas: 320
Original: Because You Are Mine


Também de Beth Kery:
             
 Porque És Minha  Quando Estou Contigo  Porque Somos Um Só  Quando te Vejo Vislumbre


Opinião


Devo confessar que estou (muito) surpreendida pela cotação tão positiva que este livro está a ter por parte das leitoras. Especialmente já que, e porque a comparação é absolutamente inevitável, eu gostei bastante da trilogia As Cinquenta Sombras de Grey… 

Durante toda esta narrativa fiquei com a sensação que a história seguiu o rumo que a autora lhe quis simplesmente imputar, sem que haja necessariamente alguma lógica ou motivo por detrás deste desenvolvimento. Por exemplo, não me parece minimamente coerente que uma jovem tão inocente como Francesca se expressa ao início do livro, viaje, do nada, para Paris com um perfeito desconhecido - se fosse uma mulher experiente e/ou aventureira, eu compreenderia, mas numa personalidade tão acanhada parece-me muito pouco viável. E esta sensação agrava-se porque a relação entre ambos que, já agora, evolui a uma velocidade estonteante, não é adaptada ao quotidiano de cada um, sobre o qual, já agora, pouco ficamos a saber. 

Além disso, e assumo que isto é completamente «defeito» meu, não me consegui alhear nem por um bocadinho das parecenças de Porque És Minha com As Cinquenta Sombras de Grey (é o problema com os livros assim tão intensos…dificilmente os conseguiremos ignorar quando nos cruzamos com algo parecido). Ian pareceu-me uma versão de Grey - descontraído, rico, com os seus segredos, empreendedor, intimidante, filantropo, arrogante, autoritário, dominador e um maníaco do controlo, mas é também um personagem bem menos desenvolvido que Grey. Francesca é também uma versão de Anastasia - inteligente, aplicada profissionalmente, inocente e inexperiente. Até algumas das cenas parecem ter sido inspiradas na trilogia de Grey...

Toda a relação entre Ian e Francesca…e basicamente é apenas isto que podemos avaliar já que o livro de pouco mais trata…pareceu-me, ao todo, bastante supérflua. Não compreendo o deslumbramento de Francesca por Ian já que ele se comporta, na maior parte do tempo, de forma bastante brusca e insensível com ela. Mais uma vez comparando: Grey tinha os seus momentos ternurentos e românticos e vimos que tentava realmente agradar Ana e encontrar um meio termo; Ian simplesmente não cede e os seus pedidos de desculpa baseiam-se apenas em actos materiais...que até podem ser bonitos, mas que não deixam de transportar consigo alguma futilidade. Justamente a parte que me pareceu mais interessante, o suposto «segredo» de Ian, foi a parte abordada muito sumária e insatisfatoriamente no final do livro… 

Agradou-me, no entanto, que a autora tenha tocado num ponto que me parece ser importante: Francesca teria uma certa «propensão» para embarcar neste tipo de relação submissa…porque não é qualquer pessoa que se mete numa destas…!

Compreendo perfeitamente que posso estar a exigir demasiado de um livro que pertence à denominada categoria de Literatura Erótica…e garanto que quanto a isso é realmente muito intenso, com cenas eróticas bem descritas e vigorosas…bem vigorosas!...Mas não posso afirmar que tenha apreciado verdadeiramente esta leitura, no geral…pelo menos não tanto como esperei que fosse acontecer.

11 comentários:

  1. Acabei hoje de ler este livro e concordo ctg, enquanto o estava a ler notei imensas semelhanças com o 50 sombras de grey, mas n desgostei de todo. Agora fiquei curiosa para ler o segundo quem sabe não é melhor que deste porque pelo que percebi, a história é sobre o Lucien:). Já te disse mas volto a dizer gosto muito do teu blog, venho cá quase todos os dias ver as novidades etc:)
    bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo :/ São demasiadas parecenças.
      Eu dei duas estrelas que é o que corresponde no Goodreads ao «It was ok»..
      O que se segue agora nas leituras?!
      Muito obrigada pelas visitas! :) São muito estimadas, podes ter a certeza disso!
      Beijinhos***

      Excluir
    2. Agora segue-se Uma casa de família, também gosto muito deste género de livros:). Depois segue-se O Inferno de Gabriel que segundo já ouvi dizer não é mau:). Visito-te com muito gosto:)
      Beijo

      Excluir
    3. São dois livros que também quero muito ler! ;/ Ainda ontem estive a olhar para o Uma Casa de Família na fnac a -20% hehe :D
      Está a ser bom?!
      Também tenho ouvido falar muito bem do Inferno de Gabriel...mas depois da banhada do Porque És Minha estou a deixar passar algum tempo até voltar a esse género ;)
      Beijinhos!

      Excluir
    4. Olá,
      Li o Inferno de gabriel e o Extase de gabriel, e pessoalmente gostei muito dos dois, acho que tem uma ou outra coisa da triologia das as 50 sombras de Grey, mas a historia em si cativa.

      Excluir
  2. Para quem gostou de 50 Sombras, aconselho vivamente que leia a triologia de Crossfire de Sylvia Day, o único livro ainda em Portugal é Rendida, para mim ainda consegue ser melhor que 50 Sombras. Já li também o O inferno de Gabriel e fiquei de veras desiludida, é uma história praticamente narrada por alguém que não são as personagens, mas a história em si é interessante.

    ResponderExcluir
  3. Detestei este livro ... não me interessei minimamente ...achei a historia descabida, definitivamente impossível e fora da realidade. Visto que existe um grande alarido sobre este livro tive curiosidade e comprei mas arrependi-me as primeiras paginas.
    O que mais detestei foi a linguagem vulgar que as descrições sexuais tem, não gostei nada dos termos usados e assim que os li deu-me vontade de arruma o livro e não voltar a pegar-lhe mas visto que gastei o dinheiro foi com grande esfoço que o acabei.
    Ao contrario dos livros da E.L.James que adorei e em 2 semanas li os três viciaram-me ao ponto de perder noites inteiras sem me conseguir desprender da historia.

    ResponderExcluir
  4. Estou a ler agora e acho muito parecido com as 50 sombras... Literatura erótica é uma coisa, mas as historias são completamente parecidas. Fiquei mesmo desiludida

    ResponderExcluir
  5. Boa tarde, já li os 3 livros lançados e devo dizer que o primeiro é sem duvida o menos interessante. Não desistam :) o segundo já achei muito bom com um desenrolar de historia surpreendente

    ResponderExcluir
  6. parecido com as 50sombras mas gosto muito mais sem dúvida...

    ResponderExcluir