Goodreads

Destaques

0 As Desaparecidas | opinião

Um thriller arrepiante, inteligente e cheio de suspense. Com excelentes críticas da imprensa internacional, é um livro perfeito para os fãs de A Rapariga no Comboio.

Wook.pt - As DesaparecidasPassaram dez anos desde que Nicolette Farrell abandonou a sua cidade natal depois do desaparecimento da sua melhor amiga Corinne. De regresso para atar pontas soltas e cuidar do pai, Nic é rapidamente envolvida num drama chocante que reabre o caso de Corinne e também feridas antigas.

Há dez anos que a a investigação se centrou em Nic, no seu irmão Daniel, no namorado Tyler e no namorado de Corinne, Jackson. Desde então, apenas Nic abandonou a cidade. Daniel e a esposa, Laura estão à espera de bebé; Jackson trabalha no bar local; Tyler namora com Annaleise Carter, a vizinha mais nova de Nic e o álibi de todos para a noite em que Corinne desapareceu. Agora, poucos dias depois do regresso de Nic, Annaleise desaparece.

Nic tenta desvendar a verdade sobre o desaparecimento de Annaleise, acabando por revelar verdades chocantes sobre os seus amigos, a sua família e sobre o que realmente aconteceu a Corinne naquela noite, há dez anos atrás.


Autor: Megan Miranda    
Editor: TopSeller (Novembro, 2016) 
Género: Thriller
Páginas: 352
Original: All the Missing Girls (2016)

opinião
★★★☆☆

Em 'As Desaparecidas' Megan Miranda acompanha-nos na construção de um interessante puzzle, partindo do seu centro para a periferia; a história é-nos contada de frente para trás, mas isso não nos deixa menos curiosos em relação ao desfecho do livro.

O que achei interessante é que esta é a história de Nic, contada exclusivamente a partir do seu (tendencioso) ponto de vista. Portanto, mesmo sem darmos por isso, a nossa opinião sobre o que aconteceu ou sobre os outros personagens é formada a partir das opiniões de Nic, a nossa percepção é baseada nas percepções de Nic e se há coisa de que nos apercebemos ao longo do livro é de que Nic é uma mentirosa... Assim, embora a nossa tendência seja absorver o seu ponto de vista e concordar cegamente com ela, começamos a perceber que esta tal de Nic nos esconde coisas e, portanto, questionamos cada afirmação.

Esse foi, para mim, um dos interesses do livro, tentar perceber onde estava a verdade apesar das palavras da narradora. No final, quando toda a história é conhecida, é interessante ponderar se determinada mentira (e há muitas...) era realmente necessária, se determinada acção é justificável, se determinado personagem era realmente de bom/mau carácter tal como Nic nos levou a acreditar.

Esta foi uma história que gostei de acompanhar mas, pareceu-me que, a partir de determinada altura, quanto mais se afasta do tempo presente, mais interesse perde. O final foi realmente inesperado, mas é também pouco original. Dito isto, gostei do livro mas não fiquei particularmente entusiasmada com o mesmo.


View all my reviews



Nenhum comentário:

Postar um comentário