Goodreads

Destaques

0 Os Regressados + Opinião

  Nada na vida é certo, nem mesmo a morte.
  Para Harold e Lucille Hargrave, o mundo parece ter voltado a girar sem o filho, décadas depois da sua trágica morte, ao oitavo aniversário. Até que um dia Jacob reaparece misteriosamente à porta de casa - em carne e osso, tal como no dia em que morreu. Um pouco por todo o lado, os entes queridos de milhões de pessoas começam a regressar da morte, sem ninguém saber como ou por que motivo isso acontece. Será um milagre ou algo mais assustador?
   À medida que o caos emerge no mundo inteiro, a família Hargrave reencontra-se no centro de uma comunidade à beira do abismo, obrigada a lidar com uma realidade nova e misteriosa que ameaça desvendar a verdadeira essência da natureza humana. 
   Numa prosa elegante e profundamente emotiva, Os Regressados - romance de sucesso instantâneo nos principais tops de ficção contemporânea - é uma história inesquecível e hipnotizante que promete conquistar o mundo.

Autor: Jason Mott
Editor: Porto Editora (Junho, 2014)
Género: Fantástico
Páginas: 312
Original: The Returned (2013) [Goodreads]
   


opinião
My rating: 2 of 5 stars

Quando um escritor faz metade do trabalho, não pode esperar que o leitor retire dele prazer por completo. Se, aliada à sua prosa astuta e esclarecida, Jason Mott tivesse recorrido à sua capacidade imaginativa com o mesmo afinco com que tentou mitigar a sua curiosidade sobre o comportamento humano, estaríamos perante um excelente livro.

Sozinha, a questão 'e se os mortos começassem a regressar ao mundo dos vivos?' é suficiente para despertar a nossa curiosidade sobre Os Regressados, atribuindo-lhe, à partida, imenso potencial. No entanto, explorando diferentes credos e reacções, opiniões e comportamentos, Jason Mott deixou muito por explorar e ainda mais por responder.

Quando invisto tempo num livro gosto de ficar com a sensação que este realmente terminou ao virar da última página, mesmo que o seu desfecho não me agrade. Não fiquei com esta sensação ao terminar Os Regressados e não consigo deixar de me aborrecer com isso. A inexistência de uma abordagem/esclarecimento científico, ainda que se tratando de ficção, é incomodativa durante toda a extensão da leitura - o que sabemos sobre o fenómeno do regresso dos mortos no início do livro é equivalente ao que ficamos a saber no final... ou seja, nada.

É verdade que poderíamos extrair várias horas de conversa a partir deste livro, sondando os nossos próprios sentimentos, recordando as nossas próprias perdas, praticando juízos de valor, ... - e, até certo ponto, penso que era esse o objectivo do autor - contudo, fica-nos o desejo de que ele tivesse ido mais longe.

Assim, em relação a este livro, gostei 'do que está' mas não consigo parar de lamentar 'pelo que falta'.



«Uma incrível surpresa. Com uma compreensão profunda da condição humana, Jason Mott entrançou uma narrativa trágica, humorista e terrível
Eowyn Ivey, autora bestseller de “The Snow Child”


«Uma hábil meditação sobre a perda. Mott consegue com a magia do seu texto trazer à luz uma panóplia de sensações, como a culpa e a conexão.»
Aimee Bender, autora bestseller de “A Frágil Doçura do Bolo de Limão”


«Nesta estreia de exceção, e numa prosa fascinante, Mott oferece-nos drama, sofrimento, alegria, horror e redenção
Publishers Weekly


«Uma bela reflexão sobre o que significa ser-se humano
Booklist

Nenhum comentário:

Postar um comentário