Goodreads

Destaques

0 A Diretiva {Livros Julho}

Os 500

Mike Ford n.º1

  Depois de renunciar aos maus hábitos do passado, o jovem Mike Ford tem de estar agora à altura de dois grandes desafios: primeiro, conseguir dinheiro para saldar as dívidas herdadas da falecida mãe e para pagar o curso de Direito em Harvard; segundo, construir a vida digna que nunca teve. É com o prestigiado professor Henry Davies - que trabalhou com os presidentes Johnson e Nixon e dirige a mais importante consultora financeira americana - que Mike é, aparentemente, salvo. 
  Convidado a integrar a consultora, Mike passa a fazer parte da nata da alta-finança, e tem à sua disposição não só um salário milionário, mas também a expectativa de um romance com a sua parceira de trabalho, Annie. Só não esperava que, para ser bem-sucedido a conquistar influências junto dos 500 homens e mulheres que dominam os mercados mundiais, lhe fosse exigido que fomentasse alianças com criminosos de guerra ou manipulasse congressistas, que recorresse à chantagem, à mentira, à vigarice… ao seu passado. 
   Colocado entre a espada e a parede, Mike ou enfrenta as consequências sórdidas inerentes ao trabalho, ou arrisca a vida às mãos dos próprios colegas, se tem a pretensão de desistir. Mas há uma alternativa: ser melhor nas artes do engano do que a sua própria empresa e conseguir denunciá-la publicamente depois de a desmantelar por dentro. 
   Misturando os melhores elementos da intriga política com uma refrescante dose de humor, Os 500 é uma primeira obra inesquecível de um jovem escritor com provas dadas no jornalismo de investigação.

Autor: Matthew Quirk
Editor: Porto Editora (Junho, 2014)
Género: Thriller
Páginas: 320
Original: The 500 (2012) [Goodreads]

   
opinião
My rating: 3 of 5 stars
Em 'Os 500' entramos com Mike Ford num mundo de corrupção e jogos perigosos. Mike parece finalmente ter a conquistado vida que sempre quis quando começa a trabalhar numa empresa de consultoria financeira: dívidas saldadas, um excelente salário e a mulher dos seus sonhos… o que Mike não sabia é que esquemas vergonhosos de chantagem e manipulação aplicados às pessoas mais poderosas da capital norte americana faziam parte do seu trabalho!

A personagem ganha dimensão conforme vamos alinhando as decisões do presente com o seu passado criminoso - manchado pelo crime. Um passado sobre o qual o próprio Mike deverá descobrir a verdade.

Um tipo simples e, no fundo, bem intencionado, Mike terá que descobrir em quem pode ou não confiar e decidir se quer ou não participar do jogo.

Esta é uma narrativa cheia de acção e algum humor com um enredo relativamente interessante mas com alguns problemas a nível de desenvolvimento de conteúdo e caracterização de personagens. Sinceramente, não estava a ver este livro a ter continuação - e continuo com algumas dúvidas - mas tenho esperança que o autor acabe por criar uma sequela interessante.



A Diretiva

Mike Ford n.º 2
  Mike Ford alcançou o sonho americano. Depois de ter finalmente entrado nos eixos, a vida sorri-lhe. Tem uma noiva fantástica, uma casa soberba e o seu próprio negócio. Mais importante, conseguiu-o de uma forma honesta. Porém, enquanto decorrem os preparativos do casamento, não pode deixar de sentir uma certa nostalgia pela vida emocionante que está prestes a deixar para trás. É então que o irmão Jack entra em cena.
  Enredado numa poderosa teia conspirativa para roubar segredos no valor de biliões de dólares da mesa de negociações do Banco da Reserva Federal de Nova Iorque – e obrigado a escolher entre uma vida honesta e a vida do irmão –, Mike Ford mergulha no passado criminoso e alia-se a velhos contactos, num perigoso jogo de corrupção e poder contra os tubarões de Wall Street. A parada é elevada, os riscos ainda maiores. E a recompensa?
  Nesta trepidante sequela de Os 500, Matthew Quirk confirma-se como uma das vozes mais originais do thriller político.

Autor: Matthew Quirk   
Editor: Porto Editora (Julho, 2015)
Género: Thriller
Páginas: 336
Original: The Directive (2014) [Goodreads]



«Com um enredo cativante […], este livro lê-se de um fôlego e atrairá não só os fãs do género, mas todos os que procurem uma leitura envolvente e divertida.»
- Library Journal

«Quirk tem nas mãos mais um bestseller.»
- Booklist

«Uma verdadeira montanha-russa […] A escrita de Quirk é de tal forma acutilante que só poderia vir da pena de um jornalista, um detetive ou um espião.»
- Forbes

«Uma fantástica sequela para um livro soberbo.»

- The Cleveland Plain Dealer




Nenhum comentário:

Postar um comentário