Goodreads

Destaques

0 Stieg Larsson

Como jornalista da revista «Expo», Stieg Larsson documentava activamente organizações racistas, bem como movimentos antidemocráticos e de extrema-direita. 
Quando faleceu, de súbito e inesperadamente, aos 50 anos de idade, Stieg deixou entregue à sua editora três volumes de uma trilogia - a trilogia «Millennium», cujo tremendo sucesso internacional Stieg acabaria por não conhecer. Além de cada um dos três volumes ser um bestseller na Suécia, é-o também em diversos outros países. Foram vendidos 3,5 milhões de cópias na Suécia e 45 milhões em outros países - até à altura, a trilogia «Millennium» foi vendida em 43 países. 
Além dos livros acabados, Stieg possuía manuscritos para a escrita de mais livros desta série.


j


Nenhum comentário:

Postar um comentário