Goodreads

Destaques

1 À Procura de Alaska + Opinião

À PROCURA DE ALASKANa escuridão atrás de mim, ela cheirava a suor, luz do sol e baunilha, e, nessa noite de pouco luar, eu pouco mais podia ver além da sua silhueta, mas, mesmo no escuro, consegui ver-lhe os olhos - esmeraldas intensas. E não era só linda, era também uma brasa."
Alaska Young. Lindíssima, esperta, divertida, sensual, transtornada… e completamente fascinante. Miles Halter não podia estar mais apaixonado por ela. Mas, quando a tragédia lhe bate à porta, Miles descobre o valor e a dor de viver e amar de modo incondicional.
Nunca mais nada será o mesmo. 

Autor: John Green
Editor: Edições ASA (2012)
Páginas: 256
Original: Looking for Alaska (2005)




Opinião...

Depois de ter lido «A Culpa é das Estrelas» mal podia esperar para começar a ler «À Procura de Alasca»…mas, embora tenha gostado da primeira parte do livro, quando o autor começa a desenvolver a história de Miles, um adolescente sem amigos que opta por prosseguir com os seus estudos num colégio interno no Alabama, onde acaba por conhecer o seu melhor amigo e o seu primeiro amor, não posso dizer o mesmo em relação à outra fase do livro, depois d'«O Acontecimento».

Logo após a entrada na contagem crescente dos dias, o livro perde o seu ritmo e a narrativa torna-se algo aleatória, deixando-nos à deriva entre descrições desnecessárias de acontecimentos que não nos levam realmente a lado nenhum… O «Acontecimento» não me pareceu sequer possuir algum sentido, além de apelar ao dramatismo e provocar alguma agitação na sensibilidade do leitor…e a incógnita que permanece no final deixou-me bastante insatisfeita.

No entanto, gostei bastante das personagens, da sua imaturidade e jovialidade. Gostei inclusivamente de Alasca cujo receio pela inércia existencial a levou a optar por um estado perpétuo de movimento; em quem o sofrimento era quase como que uma característica de personalidade. Contudo, aborreceu-me que Miles tentasse forçosamente ver um lado doce em Alasca que não estava realmente presente e que as percepções dele estivessem tão distantes da dela.

Não encontrei a mesma profundidade filosófica nem a mesma validade nos dilemas existenciais destes jovens que em «A Culpa das Estrelas» (o que torna este ainda mais especial!) talvez por este livro ser mais jovem a nível de conceito, mais leve e reunir um grupo de personagens bem mais imaturas mas, talvez por isso mesmo, mais autênticas.
View all my reviews


Outros Livros de John Green:

A CULPA É DAS ESTRELAS  O Teorema de Katherine

Um comentário:

  1. Lindo, romântico e irreverente..um dos melhores livros que já li.
    Aconselho vivamente a lê-lo.

    ResponderExcluir