Goodreads

Destaques

2 A Tormenta de Espadas | Opinião


A Guerra dos Tronos

Crónicas de Gelo e Fogo n.º 1

Quando Eddard Stark, lorde do castelo de Winterfell, recebe a visita do velho amigo, o rei Robert Baratheon, está longe de adivinhar que a sua vida, e a da sua família, está prestes a entrar numa espiral de tragédia, conspiração e morte. 

Durante a estadia, o rei convida Eddard a mudar-se para a corte e a assumir a prestigiada posição de Mão do Rei. Este aceita, mas apenas porque desconfia que o anterior detentor desse título foi envenenado pela própria rainha: uma cruel manipuladora do clã Lannister. 

Assim, perto do rei, Eddard tem esperança de o proteger da rainha. Mas ter os Lannister como inimigos é fatal: a ambição dessa família não tem limites e o rei corre um perigo muito maior do que Eddard temia! Sozinho na corte, Eddard também se apercebe que a sua vida nada vale. E até a sua família, longe no norte, pode estar em perigo. 

Uma galeria de personagens brilhantes dá vida a esta saga: o anão Tyrion, ovelha negra do clã Lannister; Jon Snow, bastardo de Eddard Stark que decide juntar-se à Patrulha da Noite, e a princesa Daenerys Targaryen, da dinastia que reinou antes de Robert, que pretende ressuscitar os dragões do passado para recuperar o trono, custe o que custar.


Editor: Saída de Emergência (2007)
Páginas: 400
Original: Game of Thrones (1996)



opinião
★★★★(4 em 5)
My rating: 4 of 5 stars

Afasto-me frequentemente do que está «na moda» e essa é a única justificação para só agora chegar ao primeiro livro das famosas Crónicas de Gelo e Fogo.

Na verdade, nunca duvidei do mérito destes livros e vejo agora mais que justificado todo o burburinho que se tem gerado em torno dos mesmos.

«A Guerra dos Tronos», além de narrado com excelência, reúne todos os elementos que um primeiro livro deve reunir satisfazendo-nos com os acontecimentos descritos, aliciando-nos com o que ainda não nos foi, para já, dado a conhecer e deixando-nos impossivelmente curiosos em relação aos próximos livros...!


Frases Preferidas
«(...) cada ferida é uma lição, e cada lição nos torna melhores» (p. 294)
«Temo que as mentes sejam como espadas. As velhas enferrujam.» (p. 233)
«O medo golpeia mais profundamente do que as espadas.» (p. 319)
«A misericórdia nunca é um erro.» (p. 328)


A Muralha de Gelo

Crónicas de Gelo e Fogo n.º 2
Eddard Stark só aceitou o prestigiado cargo de Mão do Rei para proteger o rei... ou não suspeitasse que o anterior detentor desse título fora mandado assassinar pela rainha. Mas agora Eddard tem a certeza que foi ela. E também sabe a razão: a rainha tem um segredo escabroso que pode levar à queda da dinastia e mesmo à guerra civil! E como se a conspiração palaciana não bastasse, tudo piora quando o rei Robert Baratheon é ferido mortalmente por um animal numa caçada. Mas a Mão do Rei já desconfia de tudo: terá sido mesmo um animal... ou o trabalho de mais um assassino da rainha? 

Um homem honrado e justo, Eddard Stark começa a temer ser derrotado pelo ninho de víboras que é a Corte e a Casa Lannister. Mas a ameaça de guerra civil não é a pior sombra que paira no ar. No norte, para lá da muralha de gelo, uma força misteriosa manifesta-se de maneira sobrenatural. E ainda mais longe, a última herdeira dos Targaryen prepara-se para invadir os Sete Reinos com o maior exército alguma vez visto... e com o auxílio de dragões!

EditorSaída de Emergência (2007)
Páginas: 400
Original: Game of Thrones (1996)


opinião
★★★★(4 em 5)
My rating: 4 of 5 stars

«Quando jogais o jogo dos tronos, ou ganhais ou morreis.» (p 103)

Neste 'segundo' livro das Crónicas de Gelo e Fogo, algumas personagens começam a ficar para trás, outras ganham destaque e o enredo ganha fica ainda mais interessante.

George R. R. Martin é já conhecido por criar e destruir sem piedade e é essa noção de 'risco', a sensação de que tudo pode acontecer, que torna a leitura ainda mais apetecível. Com uma prosa fantástica e realmente digna de nota, Martin nunca aborrece o leitor, pelo contrário, surpreende a cada capítulo.

O vasto número de personagens e núcleos de enredo bem como a complexidade com que são trabalhados, facilmente nos leva a concluir que o trabalho do autor está longe de ser fácil. Esta é uma série que merece certamente o nosso investimento!


Frases Preferidas:
«os anos sugam as memórias de um homem, mesmo aquelas que ele jurou nunca esquecer.» (p. 43)
«Quando jogais o jogo dos tronos, ou ganhais ou morreis.» (p 103)
«Uma nódoa negra é uma lição, disse a si própria, e todas as lições nos melhoram» (p. 142) 
«O coração mente e a cabeça usa truques connosco, mas os olhos vêm a verdade.» (p. 143)
«Um homem que não quer escutar, não pode ouvir.» (p. 188)
«à medida que vamos pecando, assim sofremos.» (p. 240)
«Somos apenas humanos, e os deuses moldaram-nos para o amor. Esse é a nossa grande glória e a nossa grande tragédia.» (p. 263)
«Um cobarde pode ser tão bravo como qualquer homem quando não há nada a temer.» (p. 264)

«Tens de pôr esses sonhos de lado, só te vão partir o coração.» (p. 328)

A Fúria dos Reis

Crónicas de Gelo e Fogo n.º 3
Quando um cometa vermelho surge nos céus de Westeros encontra os Sete Reinos em plena guerra civil. Os combates estendem-se pelas terras fluviais e os grandes exércitos dos Stark e dos Lannister preparam-se para o derradeiro embate. 

No seu domínio insular, Stannis, irmão do falecido Rei Robert, luta por construir um exército que suporte a sua reivindicação ao trono e alia-se a uma misteriosa religião vinda do oriente. Mas não é o único, pois o seu irmão mais novo também se proclama rei, suportado por uma hoste que reúne quase todas as forças do sul. Para pior as coisas, nas Ilhas de Ferro, os Greyjoy planeiam a vingança contra aqueles que os humilharam dez anos atrás. 

O Trono de Ferro é ocupado pelo caprichoso filho de Robert, Joffrey, mas quem de facto governa é a sua cruel e maquiavélica mãe. Com a afluência de refugiados e um fornecimento insuficiente de mantimentos, a cidade transformou-se num lugar perigoso, e a Corte aguarda com medo o momento em que os dois irmãos do falecido rei avancem contra ela. Mas quando finalmente o fazem, não é contra a cidade que investem...

O que os Sete Reinos não sabem é que nada disto se compara ao derradeiro perigo que se avizinha: no distante Leste, os dragões crescem em poder, e não faltará muito para que cheguem com fogo e morte!

EditorSaída de Emergência (2008)
Páginas: 480
Original: A Clash of Kings (1998)


opinião
★★★★(4 em 5)
A Fúria dos Reis by George R.R. Martin
My rating: 4 of 5 stars

Embora 'A Fúria dos Reis' não tenha sido tão estimulante como os livros anteriores, a sua história não deixou de prender o meu interesse do início ao fim, apesar de já a conhecer graças ao acompanhamento da série televisiva.

É maravilhosa a forma como George R. R. Martin encheu estes livros com a sua imaginação prodigiosa, enriquecendo-os com descrições e caracterizações que elevam a história, já de si formidável, a um outro patamar. Desta vez os acontecimentos são narrados sob o ponto de vista de Theon Greyjoy, Arya Stark, Catelyn Stark, Daenerys Targaryen e, o meu preferido, Tyrion Lannister - «Um homem muito pequeno pode lançar uma sobra muito grande.» (p. 116)

Neste livro, observamos a colisão entre diferentes pontos de vista e demasiadas pretensões ao trono; estratégias formuladas a partir de diferentes convicções, credos, filosofias e escrúpulos (ou falta deles) resultando em justiças e injustiças, amores e ódios, lealdades e traições, uma patente sede de guerra e uma aparentemente inútil luta pela paz - enfim, há nestes livros conteúdo suficiente para nos manter entretidos horas a fio.

Embora complexo, o enredo é relativamente fácil de acompanhar e a alarmante percepção que nos fica de que vale tudo (e mais qualquer coisa) mantém-nos agarrados ao livro!

Bitmojis | Bitstrips

"Aquele que se apressa na vida, apressa-se a chegar à sepultura" (p. 134)
"Um homem assustado é um homem vencido." (p. 142) 

O Despertar da Magia

Crónicas de Gelo e Fogo n.º 4

«Quarto volume de As Crónicas de Gelo e Fogo, a saga de fantasia mais vendida, elogiada e premiada dos últimos 50 anos, e a única obra de fantasia a conseguir o primeiro lugar do Top do New York Times.Esta é uma saga de grande fôlego, que vai buscar à realidade medieval a textura e o pormenor que conferem dimensão e crueza a um universo de fantasia tão bem construído que faz empalidecer a Terra Média de Tolkien. Martin é um especialista na manipulaçãodas expectativas dos leitores e, profundo conhecedor do género, não deixa de estender sucessivas armadilhas com as quais desarma os tropos que o leitor pensa reconhecer a cada página. O épico de fantasia que toda a Fantasia Épica gostava de ser. »


Editor: Saída de Emergência (2008) 
Páginas: 480 
Original: A Clash of Kings (1998)


opinião

★★★★(4 em 5)
My rating: 4 of 5 stars

O O Despertar da Magia, dá continuidade às Crónicas de Gelo e Fogo oferecendo-nos mais um livro cheio de acção, desenvolvimentos inesperados (...se não acompanharmos a série televisiva) e uma colecção de fantásticas personagens com objectivos/resoluções distintas e, muitas vezes, antagónicas.

Qualquer aspecto negativo em relação ao enredo e prosa de George R. R. Martin está tão diluído na grandiosidade do seu trabalho, como um todo, que não é sequer merecedor de apontamento.

View all my reviews

«O amor é veneno. Um doce veneno, sim, mas mata-te na mesma!» - p. 222

A Tormenta de Espadas

Crónicas de Gelo e Fogo n.º 5
Wook.pt - A Tormenta de EspadasOs Sete Reinos estremecem quando os temíveis selvagens do lado de lá da Muralha se aproximam, numa maré interminável de homens, gigantes e terríveis bestas. Jon Snow, o Bastardo de Winterfell, encontra-se entre eles, debatendo-se com a sua consciência e o papel que é forçado a desempenhar.Todo o território continua a ferro e fogo. 

Robb Stark, o Jovem Lobo, vence todas as suas batalhas, mas será ele capaz de vencer as mais subtis, que não se travam pela espada? A sua irmã Arya continua em fuga e procura chegar a Correrrio, mas mesmo alguém tão desembaraçado como ela terá dificuldade em ultrapassar os obstáculos que se aproximam.Na corte de Joffrey, em Porto Real, Tyrion luta pela vida, depois de ter sido gravemente ferido na Batalha da Água Negra, e Sansa, livre do compromisso com o rapaz cruel que ocupa o Trono de Ferro, tem de lidar com as consequências de ser segunda na linha de sucessão de Winterfell, uma vez que Bran e Rickon se julgam mortos.

No Leste, Daenerys Targaryen navega na direcção das terras da sua infância, mas antes terá de aportar às cidades dos esclavagistas, que despreza. Mas a menina indefesa transformou-se numa mulher poderosa. Quem sabe quanto tempo falta para se transformar numa conquistadora impiedosa?

Editor: Saída de Emergência (2008) 
Páginas: 544
Original: A Storm of Swords (2000)

Anterior: «O Despertar da Magia» 


opinião
★★★★(4 em 5)
"Todos estes reis fariam bastante melhor se depusessem as espadas e escutassem as mães." - p. 85

Adorados ou odiados, os personagens de Crónicas de Gelo e Fogo continuam a ganhar dimensão neste 5º livro da saga, cada um contribuindo à sua maneira para o desenrolar da trama. Ao criar várias linhas de enredo, o escritor consegue manter-nos interessados do inicio ao fim.

A Tormenta de Espadas dá continuação a um trabalho que se destaca na literatura fantástica e que vale bem o nosso investimento, tanto de tempo como de dinheiro.

View all my reviews

Frases Preferidas
"Uma voz pode proferir falsidades, mas em muitas pode sempre encontrar-se a verdade." - p. 110
"Já aprendi que o amor nem sempre é sensato. Pode levar-nos a grandes loucuras, mas seguimos os nossos corações... até onde quer que nos levem." - p. 186
"muitos eram os venenos que também eram doces." - p. 261
"os maiores idiotas são por vezes mais espertos do que os homens que deles se riem." - p. 262
"as velhas histórias são como os amigos. Temos de as visitar de vez em quando." - p. 322
"até uma brasa entre as cinzas ainda pode causar um grande incêndio." - p. 333
"até os homens corajosos se cegam, por vezes, quando têm medo de ver." - p. 507

2 comentários:

  1. Alguém tem um erro de página no capítulo do Theon. Pág: 256 para 257 nada tem a haver uma com a outra.

    ResponderExcluir
  2. Espero ansiosamente o prossimo capitulo, GoTS7 o último capitulo me deixou super intrigado. Intriga me mata saber o que vai acontecer agora como o acabamento. Espero ansiosamente, Guerra dos Tronos série Sou fã das series, por que eu gosto do suspense de esperar um novo capitulo, principalmente por saber como segue a história e o desenvolvimento dos personagens.

    ResponderExcluir