Goodreads

Destaques

0 Pântano da Meia-Noite



Declan Fitzgerald compara a casa dos seus sonhos e dedica-se de corpo e alma à restauração da mesma...sem saber o que aquelas paredes já presenciaram no passado.

Recuando uma centena de anos, Roberts atinge-nos com a forte história dos proprietários originais da mansão...e o horrendo crime cometido contra uma inocente. 

Mas o passado estica o braço e tenta chegar até ao presente, assombrando a mansão, enchendo a cabeça de Declan com visões do que ali se passou. Contudo, Declan tem Angelina para o ajudar a desvendar este mistério e manter a sua sanidade mental.


Nora Roberts cria um mistério tão denso em torno do que aconteceu que ficamos desejosos de conhecer toda a história o mais rápido possível. A injustiça cometida com os dois amantes, perpetrada pelos próprios familiares, bem como o preconceito contra as classes mais modestas, incita-nos a criar verdadeiras empatias e antipatias com as personagens. 

No presente, a personalidade forte, independente e desinibida de Angelina é bastante apelativa. A sua avó é ela própria uma personagem muito querida, com uma sabedoria profunda e uma excelente clarificação sobre a vida. Além disso, a interacção da avó de Angelina com Declan é deliciosa de «observar». 

Por seu lado, a mãe de Angelina levou-me aos píncaros dos nervos e só me apetecia esbofeteá-la de uma vez por todas. 

Lamento apenas a imensa falta de coesão no final do livro, com demasiados pontos em suspenso...especialmente em relação às assombrações. 


Sinopse:
«Depois de ter sonhado com a compra de Manet Hall durante vários anos, Declan Fitzgerald decide-se finalmente a dar esse passo. Larga o seu escritório de advogado em Boston e dispõe-se a dar início à imensa tarefa de restaurar a casa. Algum tempo depois, o jovem começa a interrogar-se sobre a veracidade de alusões ao facto de a casa estar assombrada. Sente uma crescente angústia, como se a casa fosse refém de um terror e de uma tristeza que nada nem ninguém podem controlar.A bela vizinha Angelina consegue distrai-lo desses pensamentos sombrios, mas também ela tem uma estranha relação com Manet Hall. E, para que ambos possam entregar-se à mútua paixão, será necessário desvendarem um segredo do passado, tão oculto e negro quanto o próprio pântano.»

AutorNora Roberts
Editor: Ulisseia (2008)
Páginas: 496
Original: Midnight Bayou (2001)


Nenhum comentário:

Postar um comentário