Goodreads

Destaques

0 Mentiras Cruéis


Um livro típico de Nora Roberts: uma mistura envolvente de romance, suspense, intriga, mistério e comicidade.

Gostei bastante de Julia, uma mulher decidida, escolhida a dedo para escrever sobre a vida da diva do cinema: Eve Benedict. Ao contrário do que é costume com Nora Roberts, que gosta de se focar na família e nos amigos, a protagonista é bastante solitária dividindo o seu tempo entre o trabalho e o filho. As cenas que relatam a interação entre o filho de Julian e o enteado de Eve, Paul, são muito ternurentas e engraçadas, aligeirando uma história que tende para o enervante.

Sentimos que uma verdadeira ameaça paira sobre Eve e Julia e, como sempre, a escritora troca-nos as voltas ao longo do livro, revelando o verdadeiro culpado apenas no fim. Pelo caminho vamos descobrindo os segredos que Eve escondeu durante toda a sua mediática carreira...as escolhas que fez na sua vida e o que a motivou a fazê-las.

Um livro cheio de interesses e interesseiros…muito interessante!


Frases Preferidas:
«Não sejas mais estúpida do que o necessário.»
«Há caprichos que compensam as consequências.»
«Lyle era um porco nojento mas os porcos têm a sua utilidade.»

Sinopse:
«Eve Benedict é a última das grandes deusas do cinema, uma sex symbol de voz sensual premiada com dois Óscares, quatro maridos e uma legião de amantes. Não há segredo ou escândalo que desconheça. Agora, Eve decidiu escrever as suas memórias - revelando tudo e expondo todos. Julia Summers é a biógrafa que Eve escolheu pessoalmente para relatar a sua história. Julia detesta o glamour de Beverly Hills, mas adora o seu trabalho - e o lar que construiu com o seu filho de dez anos que cria sozinha. Como poderia recusar esta oportunidade única? Mas o enteado de Eve, Paul Winthrop, desafiará a determinação de Eve em contar a sua história e a de Julia em preservar o seu coração. E à medida que Julia se apercebe até onde os inimigos de Eve estão dispostos a ir para que as suas memórias não sejam publicadas, também descobre que a deusa do cinema esconde um segredo terrível. Tão terrível que, mais do que mudar a vida de Julia, também lhe pode colocar um ponto final.»

AutorNora Roberts
EditorSaída de Emergência (2010)
Páginas: 432
Original: Genuine Lies (1991)
Cotação: 4!




Nenhum comentário:

Postar um comentário