Goodreads

Destaques

0 Duna (As Crónicas de Duna #1)

O Segundo Volume das Crónicas de Duna:

~ Duna ~ 

Sinopse:
«Duna é considerado o melhor romance de ficção científica de sempre. Uma obra que arrebatou a crítica com o estilo poderoso de Frank Herbert e conquistou milhões de leitores com a sua imaginação prodigiosa. Prepare-se para uma viagem que nunca irá esquecer, até um longínquo planeta chamado Arrakis… O Duque Atreides é enviado para governar o planeta Arrakis, mais conhecido como Duna. Coberto por areia e montanhas, parece o local mais miserável do Império. Mas as aparências enganam: apenas em Arrakis se encontra a especiaria, uma droga imensamente valiosa e sem a qual o Império se desmoronará.
O Duque sabe que a sua posição em Duna é invejada pelos seus inimigos, mas nem a cautela o salvará. E quando o pior acontece caberá ao seu filho, Paul Atreides, vingar-se da conspiração contra a sua família e refugiar-se no deserto para se tornar no misterioso homem de nome Muad’Dib. Mas Paul é muito mais do que o herdeiro da Casa Atreides. Ao viver no deserto entre o povo Fremen, ele tornar-se-á não apenas no líder, mas num messias, libertando o imenso poder que Duna abriga numa guerra que irá ter repercussões em todo o Império….»

Editor: Saída de Emergência (2010)
Páginas: 576
Título Original: Dune (1965)
Cotação: 4!



A Minha Opinião:
A melhor forma de apreciar esta leitura é colocando-o em contexto histórico relativamente à época em que foi escrito - aceitar a ausência de diversos elementos que são hoje considerados básicos, como as telecomunicações, computadores propriamente ditos, internet, etc.

Em 1965, data da publicação original deste livro, que é agora um clássico da literatura, «Duna» estaria carregado de conceitos inovadores, originais e extremamente interessantes! 

É certo que os efeitos visuais actuais e o estímulo gráfico com que somos diariamente bombardeados roubam um bocadinho de brilho a este livro. E não é o seu estatuto de clássico que nos impede de reconhecer partes aborrecidas e identificar passagens pobremente estruturadas. mas o fantástico e complexo mundo criado por Herbert fazem com que a leitura valha, bem de longe, a pena!

Debruçando-se sobre a sobrevivência e evolução da sociedade, Herbert explora o potencial  da Humanidade estudando o seu comportamento. A influência da política e do dinheiro neste mundo carregado de interesses pessoais em conflito e perversas traições, tornam o enredo bastante convincente. As personagens, ricamente caracterizadas e muito interessantes na sua individualidade, especialmente o jovem Paul, a sua mãe Jessica e o corrupto barão Harkonnen levam a história ao seu desenvolvimento máximo, aprofundando-a e dando-lhe vida.

Dinâmico e envolvente - recomendo esta leitura a quem gosta de ficção em especial...ou de bons livros, no geral.

Este é o primeiro volume das Crónicas de Duna. O segundo volume já foi publicado em Portugal: «O Messias de Duna». Ao todo, esta saga é composta por seis livros embora nenhum tenha atingido a aclamação do primeiro. «Duna» foi já adaptado ao cinema (vídeo youtube abaixo).




O Segundo Volume das Crónicas de Duna:

~ O Messias de Duna ~ 

Sinopse:
«Doze anos depois dos eventos descritos em Duna, Paul Atreides governa como Imperador do Universo, tendo dado início a uma Jihad galáctica ao aceitar o papel de Mahdi do povo Fremen. Paul é o mais poderoso Imperador de sempre, mas é incapaz de travar a sangrenta Jihad que já ceifou as vidas de milhões de pessoas e destruiu mundos. Com a sua visão presciente, Paul vê a Jihad a alastrar-se, mas não pode travá-la face às terríveis alternativas que se podem seguir. Motivado por este conhecimento, decide seguir um plano complexo e perigoso que pode evitar a extinção da Humanidade, uma visão que o atormenta dia e noite. O que Paul desconhece é que muitos velhos inimigos se reúnem à sombra do Império, preparando uma conspiração para derrubar a Casa Atreides do trono. Mais do que um mero assassinato, preparam-se para fragilizar o Kwisatz-Haderach... Conseguirá Paul estar à altura dos desafios do seu papel como Imperador e evitar os perigos que o rodeiam?»

AutorFrank Herbert
Editor: Saída de Emergência (2011)
Páginas: 288
Título Original: Dune Messiah (1969)

Nenhum comentário:

Postar um comentário