Goodreads

Destaques

0 Um Longo Domingo de Noivado

~ Um Longo Domingo de Noivado ~ de Sébastien Japrisot 

Sinopse:

«Numa noite de Janeiro de 1917, cinco soldados condenados à morte em conselho de guerra são lançados, de mãos amarradas atrás das costas, diante das trincheiras inimigas. O mais novo não tem ainda 20 anos e deixa atrás de si uma jovem noiva e um amor interrompido.
Chegada a paz, Mathilde quer saber a verdade sobre esta ignomínia e descobrir o que realmente aconteceu àquele a quem continua ligada pelos laços de um longo e trágico noivado.
Com mais intensidade do que nunca, Sébastien Japrisot oferece-nos nesta história de paixão e mistério o virtuosismo e a magia da sua escrita. A mulher obstinada e frágil, envolvente e subtil, que aqui se encontra na figura de Mathilde, figurará certamente entre as heroínas mais memoráveis do universo romanesco moderno.
Aquando da sua publicação, "Um Longo Domingo de Noivado" obteve em França o prestigiado Prémio Interallié.
O romance foi adaptado ao cinema por Jean-Pierre Jeunet, realizador de "O Fabuloso Destino de Amélie", contando com Audrey Tautou, que protagonizou o mesmo filme, no papel principal.»


Editora: Edições ASA (2005)
N.º Páginas: 212
Título Original: Un long dimanche de fiançailles (1991)
Cotação: 




A Minha Opinião:
Pela forma como foi escrito, levamos muito tempo a entrar na história de Um Longo Domingo de Noivado. Esta dificuldade pode desanimar o leitor que se vê forçado a obrigar-se a ler, de forma a avançar no livro. 

A dificuldade em associar os nomes às personagens, especialmente entre os soldados, vem adicionar bastante à confusão e torna-se complicado acompanhar Japrisot. O autor não perde sequer muito tempo a descrever estas personagens, faz um apenas um relato apressado do passado de cada um e avança com a narrativa. 

Além de tudo isto, como vamos colhendo, através da investigação incessante de Mathilde, diversas pistas, sendo que muitas delas acabam por se revelar nulas, temos que ter sempre presente todas estas informações e fazer uma leitura atenta que, consequentemente, tende a ser cansativa. 

Por todos estes motivos, Um Longo Domingo de Noivado não é uma leitura fácil - e quem está à espera de um romance convencional pode encontrar-se bastante desiludido e ludibriado. Mas também não quer dizer que o livro não vale a pena...Eu gostei: gostei da forma inteligente como tudo começa a encaixar; gostei de Mathilde, da sua personalidade e persistência; gostei dos pormenores sobre a guerra e tudo o que dela adveio.

Contudo, não recomendo abertamente este livro porque não é o tipo de leitura que agrada a todos. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário